A empresa que só funciona na presença do dono…

·

·





A
empresa que só funciona na presença do dono…


Orlando Lima
Se a empresa só funciona com o dono,
existe algo errado. Por exemplo: “a padaria do João” só funciona com a presença
dele. Quando ele não está o pão perde o sabor, o atendimento é ruim, os
clientes reclamam etc. Isso tudo porque o João e a empresa são ambos a mesma
pessoa. Observe que ela carrega o nome dele, pois, é assim que todos a
conhecem. Ela encontra-se numa fase de vida chamada de ” a infância”,
que é muito diferente de uma empresa na maturidade, ou seja, bem organizada
para funcionar mesmo sem a presença do dono como, por exemplo, as franquias
Mc’Donalds, Subway e a Cacau Show. 
Como reconhecer uma empresa na infância? Como dito,
anteriormente, o proprietário e o negócio são uma coisa só.  Se você
tirar o proprietário do negócio na infância, não existirá mais negócio e aquela
empresa irá fechar. Mas por quê? Porque uma empresa na fase da infância não consegue
sobreviver por muito tempo sem o seu dono estar presente.
Além disso, os clientes se acostumaram a terem ele,
o negócio é ele e é isso que eles (os clientes) querem. Os clientes confiam apenas
no dono da empresa. Mas, o trabalho aumenta e, infelizmente, ele não consegue
ser por muito tempo o malabarista-mestre e deixa as bolas caírem. Ora, são
muitas bolas e ele não consegue segurar todas. Pois, além de ter que lidar
com os trâmites burocráticos, ainda precisará fazer tudo e mais um pouco, se
não os clientes vão procurar outro lugar. Isso ocorre porque o crescimento de
uma empresa é inevitável ou ela cresce ou morre, uma vez que ela tem que
crescer não poderá continuar na fase da infância e o proprietário não poderá dá
conta de tudo. 
Qual seria a sua atitude em relação a isso? O que
determina o seu sucesso ou fracasso como empreendedor? Sua empresa existe para
funcionar perfeitamente mesmo sem a sua presença. Ela existe para que você
possa através dela realizar os seus sonhos e também contribuir para a melhoria
de vida dos seus funcionários e clientes.
Dessa forma, surge a necessidade de entender como
transformar sua empresa em um sistema que lhe proporcione realizar tudo isso.
Então, aqui vai a dica prática desse post: identifique se sua empresa funciona
mesmo sem a sua presença, se não a faça funcionar.  Para isso você pode pedir ajuda de um
especialista para fazer um diagnóstico de gestão empresarial em sua empresa e,
consequentemente, te ajudar a organizá-la para funcionar eficientemente mesmo
sem a sua presença.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *