Como calcular custos utilizando a Ficha Técnica

Compartilhe!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Esta ferramenta objetiva demonstrar os custos e o modo de produção de determinado produto/serviço tornando a comunicação gerencial e operacional mais efetiva. Além de definir custos de produção, obtém-se também o valor agregado em cada item que compõe o produto.

 

Isso é importante na composição da tabela de precificação, que auxilia tanto a quem desenvolve o produto, quanto a quem gerencia as finanças, melhorando a percepção de valor e auxiliando na definição da margem de lucro.

 

Com essa ferramenta é possível avaliar item por item que se agrega ao produto. Isso é importante para auxiliar na redução de custos diretos e indiretos ligados à produção.

Curso: 50 Ferramentas de Gestão

Por exemplo: um chefe de cozinha, através da Ficha Técnica, terá a sua disposição informações técnicas acerca de determinado produto em relação à quantidade das partes que compõem o valor do prato pronto entre outros dados pertinentes.

 

Esse tipo de ferramenta auxilia na composição da tabela de preços, isto é, na precificação e no acompanhamento de outras informações básicas como, por exemplo, Margem de Lucro, custo de mercadoria vendida – CMV, total de gastos com insumos, perda de produção, percentual de aproveitamento do insumo processado, além de outras informações financeiras como, por exemplo, impostos, taxas e tarifas agregados aquele produto específico.

Inscreva-se em nossa Newsletter

Receba atualizações em seu e-mail

More To Explore

Ferramentas

DRE – Demonstrativo de Resultados do Exercício como elaborar?

Vamos explorar alguns conceitos importantes. Seguindo a ordem: receitas brutas; deduções; receitas líquidas; custo de mercadoria vendida; resultado operacional bruto; margem de contribuição; despesas operacionais; receitas e despesas financeiras

Gostaria de receber nosso E-book, gratuitamente?

Clique no botão abaixo